GCM de Vargem destaca-se por atuar em várias frentes

Por Bruno Manson
[email protected]

Referência na região, a Guarda Civil Municipal de Vargem Grande do Sul completará 30 anos de fundação na quinta-feira (10). Ao longo de sua trajetória, a corporação ficou reconhecida pelo amplo trabalho que desenvolve na área de segurança e, em especial, no salvamento de vidas.

Somente em 2021, a GCM atendeu 2.658 ocorrências. Em meio a esta relação constam atendimentos a 162 incêndios, 94 acidentes (de trabalho, pessoal e de trânsito sem vítima), 88 acidentes de trânsito com vítimas, 81 casos de auxílio ao público e 50 chamados para captura de animais. Além disso, a instituição realizou flagrante em 36 ocorrências de roubos e furtos.

Resgate: Guarda Civil Municipal tem atuado no salvamento de vítimas desde 2002 (Divulgação/GCM)

ESTRUTURA

A Guarda Civil Municipal começou suas atividades no dia 10 de fevereiro de 1992, com 14 integrantes e uma viatura. Desde então, a corporação veio crescendo e aprimorando seu trabalho. Atualmente a corporação conta com uma base situada junto a sede do Desetran (Departamento de Segurança e Trânsito), na Vila Polar, possuindo um efetivo formado por 31 guardas-civis, os quais passam por diversos cursos de aperfeiçoamento, como atendimento pré-hospitalar, primeiros-socorros, busca e captura com cães, entre outros.

A GCM é equipada com sete viaturas – sendo três carros, duas motos, uma unidade de resgate e um caminhão-pipa –, além de um barco. Em 2020, a instituição conseguiu o porte institucional de arma, por meio de convênio celebrado com a Polícia Federal.

ANJOS DE AZUL

Em 2002, a Guarda Civil Municipal iniciou o serviço de resgate. Com uma equipe capacitada e treinada para atendimento de urgências e emergências, a corporação passou a atuar no salvamento de vidas, prestando socorro às vítimas de diversos tipos de acidentes e até mesmo realizando partos. Tamanho trabalho rendeu o apelido de ‘anjos de azul’ à instituição, além de honrarias e homenagens.

FRENTES

AGCM atende em diversas frentes, como na área da Defesa Civil, por exemplo onde atua no combate a incêndios, vazamento de gás, produtos perigosos, alagamentos, enchentes, desabamentos, afogamentos, interdição de áreas de riscos, entre outros.

Paralelo a isso, a corporação ainda faz rondas patrimoniais, monitoramento de alarmes e câmeras de segurança, patrulhamentos, ações de trânsito, captura de animais, presta apoio a órgãos de segurança e departamentos municipais, além de ministrar palestras educativas e promover campanhas beneficentes, como arrecadações de agasalhos, brinquedos e alimentos.

CANIL

Em 2020, a Guarda Civil Municipal passou a contar com o Atac (Ações Táticas com Cães). O canil conta com animais treinados para atuar na guarda, proteção, busca e captura de pessoas, além da localização de drogas, serviço que tem sido bastante requisitado em ocorrências realizadas em São João da Boa Vista e região.

PANDEMIA

A GCM tem atuado na linha de frente no combate ao novo coronavírus, realizando desinfecção das vias e outros pontos da cidade, assim como a fiscalização das normas previstas nos Decretos Municipais, evitando aglomerações e apoiando as campanhas de vacinação. A instituição ainda é responsável por desenvolver ações para minimizar os impactos da pandemia, realizando vários atendimentos e socorros às pessoas suspeitas e infectadas com Covid-19.

Criação da Guarda Civil em São João está no plano de governo de Teresinha

Meta do Plano de Governo da prefeita Maria Teresinha de Jesus Pedroza (DEM), a criação da Guarda Civil Municipal em São João da Boa Vista já tem sido articulada pela atual administração.

Em fevereiro do ano passado, a chefe do Poder Executivo participou de uma reunião com o general João Camilo Pires de Campos, secretário de Segurança Pública do Estado de São Paulo, onde expôs a necessidade da implantação da GCM. O encontro foi articulado pelo deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP), atendendo a solicitação de João Augusto Michelazzo Bueno, presidente da Associação de Amigos da Serra da Paulista (Aasp). Além de Teresinha, estiveram presentesos prefeitos Regina Helena Janizelo Moraes (PSC), de Águas da Prata, e Amarildo Duzi Moraes (PSDB), de Vargem Grande do Sul.

Encontro: general Campos recebeu Paulo Teixeira junto com os representantes da região sanjoanense (Divulgação/AASP)

EM GRAMA

Outra cidade da região que também busca a implantação da Guarda Civil Municipal é São Sebastião da Grama. No ano passado, o prefeito José Francisco Martha (PTB) participou de uma reunião a convite da Câmara de Vereadores, onde foi debatido os benefícios da criação da corporação.

De acordo com a administração gramense, o encontro foi produtivo e está sendo estudada a possibilidade da implantação da GCM para este ano, com o intuito de melhorar a segurança da população local.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here