Ação distribui até 900 marmitas a famílias carentes do Santo Antônio

Equipe: responsável por entregar as refeições às famílias carentes do bairro Santo Antônio (Leandro Gulin/O MUNICIPIO)

Um grupo de amigos, ex-atiradores do Tiro de Guerra (TG 02-036) do ano de 1994, tem distribuindo cerca de 150 marmitas, todas às sextas-feiras, a diversas famílias carentes do bairro do Santo Antônio, em São João da Boa Vista. No total, já foram entregues aproximadamente 900 refeições. Somente na sexta-feira (26) foram produzidas cerca de 150 marmitas. E, a cada dia de ação, o cardápio tem sido variado.

INICIATIVA
A intenção começou no início de maio com Luiz Fernando Ribeiro e Rodrigo Dilim Carvalho. Por um grupo de WhatsApp, ambos pediram aos ex-atiradores uma arrecadação de alimentos não perecíveis para doar às famílias que mais necessitam neste momento de pandemia da Covid-19.

O grupo movimentou-se em prol da arrecadação, envolvendo mais amigos e familiares na causa, bem como por doações próprias, conseguindo centenas de quilos de alimentos. A partir daí surgiu a ideia de fazer as marmitas com essas arrecadações.

Os envolvidos procuraram a ajuda de outro amigo, o empresário Fabrisio Delalibera, diretor-industrial da empresa Delaplastic, para a produção das marmitas, já que a cozinha e o refeitório da empresa continuam em atividade.

O projeto foi aprovado imediatamente pela diretoria da empresa e a responsável pela alimentação, Camila Beraldo, da Vinícola Restaurante, também entrou como parceira e, junto com uma nutricionista e uma cozinheira dela, fizeram uma macarronada, que rendeu cerca de 100 marmitas, já no dia 15 de maio.

Fabrisio Delalibera, Camila Beraldo, Rodrigo Dilim Carvalho e Luis Fernando Ribeiro preparando as marmitas que serão entregues (Leandro Gulin/O MUNICIPIO)

ESCOLHA DO BAIRRO
A escolha do bairro do Santo Antônio aconteceu porque Luiz Fernando Ribeiro, proprietário de uma loja de produtos católicos, a Clero Brasil, tem contato direto com o padre Alexandre Baldo, vigário responsável pela Paróquia que dá nome ao bairro e que realizada diversos projetos sociais.

Também participam do projeto Serginho Noronha, Fátima da Silva, Nancy, Fernanda e Mary, que não medem esforços para que as marmitas continuem cada dia melhores.

DOAÇÕES
Quem quiser participar com doações ao grupo, principalmente em alimentos que podem ser destinados às crianças – como bolachas, balas e iogurtes – deve levar os donativos diretamente na Clero Brasil, localizada à praça Coronel José Pires, 70. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (19) 99936-5059.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here