Bem vindo
Notice: Undefined index: usuarioNome in /home/omunici/public_html/view/topo.php on line 39

Sair


Esqueci minha senha






São João :: 2017-08-09 -13:58:00

Caso CIC: construtora não tem direito a novo aditamento, diz Prefeitura


A Prefeitura de São João da Boa Vista concluiu que a empresa Projeção Engenharia e Arquitetura LTDA EPP, de Poços de Caldas, não tem direito a aditamento para concluir as obras do CIC (Centro de Integração Comunitária).

A Projeção Engenharia solicitava à Prefeitura sanjoanense uma verba de cerca de R$ 500 mil para finalizar a construção. Porém, após um minucioso levantamento, a Prefeitura concluiu que a empresa mineira não tem direito a este aditamento e a notificou. 

Segundo informa a engenheira civil Paula Cristina do Couto, da Assessoria de Planejamento, Gestão e Desenvolvimento, não haverá pagamento de aditivo, além daqueles já considerados e efetivados pela administração nos limites previstos em lei. “Essa conclusão foi submetida à empresa para direito de defesa”, diz.

O MUNICIPIO apurou que 75% das obras estão prontas e que restam apenas a pintura da parte nova, a pintura da quadra de futsal e finalizar a parte elétrica e pintura do centro administrativo.

O Diretor de Esportes Rodolfo Herrera afirma que, quando o CIC estiver pronto, será possível atender melhor os esportes de alto rendimento e as escolinhas de base como um todo. Ele cita, ainda, que o Ginásio de Ginástica Olímpica do novo local é igual ao do Flamengo e, portanto, um espaço modelo.

“Com ele pronto poderemos atender todo mundo de forma mais adequada e legalizada”, afirma. 

ATRASO

Antes da paralisação da obra, a prefeitura esperava inaugurar o ‘novo CIC’ entre o final de março e o início de abril deste ano, para a Taça EPTV de Futsal. A expectativa não foi concretizada e a previsão de entrega do empreendimento não foi cumprida.

Até agora apenas a antiga quadra, conhecida como ‘Tartarugão’, está finalizada. Ela será exclusiva e com medidas oficiais para basquete e vôlei. Abaixo das arquibancadas há espaço para treinamentos de judô.

 

PRAZOS

NÃO CUMPRIDOS

As obras tiveram início em março de 2015 e a primeira promessa era entregar o espaço em um ano, ou seja, no terceiro mês de 2016. Como não foi possível, devido a contratempos na construção, o segundo prazo estabelecido e não cumprido foi junho.

A terceira data estipulada pela administração municipal foi setembro. Entretanto, mais uma vez, o CIC não foi entregue, sendo pretendido pela administração municipal para a primeira quinzena de dezembro, o que novamente não ocorreu.

O último prazo determinado e não cumprido foi entre março e abril deste ano. O investimento para o ‘novo CIC’ é de quase R$ 6 milhões, obtido por meio de financiamento junto à Agência Desenvolve-SP.

So Joo